Foto: Lema da unidade
Foto: Foto da unidade da Polícia Militar de Santa Catarina
Notícias
Cidadão
Unidades
Boletim de Ocorrência
Denúncia
Bem-Te-Vi

PM e PC cumprem mandados judiciais em Araranguá


Cinco pessoas foram presas em uma operação em combate ao crime de tráfico de drogas realizada na manhã desta quinta-feira, 20, na cidade de Araranguá. A ação foi realizada pela Polícia Militar de Santa Catarina (PMSC) e Polícia Civil durante cumprimento de mandados judiciais.

Com base nas informações obtidas através dos policiamentos ostensivos e das atividades de inteligência da PMSC e da PCSC, verificou-se a necessidade de realizar buscas em 10 residências no bairro Divinéia e um imóvel no municipio de Balneário Arroio do Silva, as quais apresentavam indícios de servir para a comercialização de entorpecentes. A operação foi autorizada pelo Poder Judiciário, conforme decisão que tramita na 1ª Vara Criminal da Comarca da cidade.

Na oportunidade, por volta das 6h, a operação foi iniciada nos endereços indicados na referida ordem judicial, a qual resultou na prisão de cinco suspeitos pela prática de furto de energia elétrica, tráfico de drogas e receptação.

Além disso, foi apreendida uma balança de precisão, 113,85 gramas de crack, fracionadas em 387 porções prontas para a comercialização, uma quantia de dinheiro em cédulas e moedas diversas, bem como anotações e objetos receptados oriundos dois crimes de roubo.

As atividades realizadas pelos policiais foram coordenadas pelo comandante do 19º Batalhão de Polícia Militar (BPM), tenente-coronel Marcelo Bertoncini Zanette, e pelo delegado de Polícia Civil, Jair Pereira Duarte, responsável pela Delegacia de Investigação Criminal de Araranguá (DIC).

A operação faz parte das ações do projeto “Araranguá Mais Segura”, que é uma parceria entre a Polícia Militar, Polícia Civil, Poder Público Municipal e Câmara dos Dirigentes Logistas de Araranguá (CDL), que visa adotar atividades efetivas para diminuição dos delitos e desordens praticados na área central do município de Araranguá, estabelecendo assim, uma relação de confiança e cooperação mútua entre os órgãos públicos, entidades e a comunidade, gerando segurança e qualidade de vida para as pessoas.

Outras ações já vêm sendo realizadas na cidade, como a “Operação Buraco Quente”, realizada na Vila Samaria, onde mandados de busca e apreensão foram cumpridos e ações efetivas como iluminação pública, limpezas, abertura de acessos e cadastro dos moradores estão sendo realizadas para evitar a dominação da área por criminosos e usuários de drogas.